domingo, 15 de janeiro de 2006

Cu Metálico.02

Sem a pressão de ser um dos lançamentos mais aguardados do ano, o novo trabalho de Cu Metálico traz-nos um som muito perto da genialidade, embora não seja um trabalho facilmente assimilável. Aliás, posso até dizer que a primeira audição me deixou algo desiludido mas, à medida que fui ouvindo, também o mesmo aconteceu à magia do Metal etéreo que é marca registada desta banda. Nesta maquete vemos as guitarras assumirem maior protagonismo e que é um dos principais pontos de interesse de “Deixa-me curtir”. Como se isto ainda não fosse suficiente, os Cu Metálico continuam a brindar-nos com pequenos detalhes que fazem toda a diferença, como na introdução de passagens em voz feminina, não esquecendo também a forte e refrescante componente visual da k7 que nos faz salivar por um espectáculo ao vivo.

4,8
RP

2 comentários:

mmmnnnrrrg disse...

por acaso era uma coisas que queria fazer à bué... uma resenha a uma banda de mertal usando os clichés da "cena"... A Iglaia merece 5,55!

rafael disse...

iglaia?
!!